200 mil máscaras são distribuídas na Bahia

Publicado em: 25/4/2020

Volume é fruto da fabricação via edital do Governo do Estado e doação da ACB

A máscara tornou-se um item indispensável no combate e proteção ao novo coronavírus. Com o intuito de manter a população protegida, cerca de 200 mil máscaras começaram a ser distribuídas na capital e no interior, a partir desta sexta-feira (24). São 50 mil unidades, fruto do edital estadual para fabricação de máscaras artesanais, e 150 mil máscaras arrecadadas pela Associação Comercial da Bahia (ACB). Os itens estão sendo distribuídos em Salvador, Simões Filho, Dias D’Ávila, Camaçari, Mata de São João e Feira de Santana e para estudantes nas filas de resgate do vale-alimentação. A iniciativa é fruto de uma parceria das secretarias estaduais do Planejamento (Seplan), da Educação (SEC), de Desenvolvimento Rural (SDR) e de Desenvolvimento Econômico (SDE), e da Companhia de Transporte da Bahia (CTB).

Segundo Paulo Guimarães, Superintendente de Atração de Investimentos da SDE, o programa de distribuição de máscaras para a população ganhou mais um capítulo importante. “Essas parcerias buscam fazer com que, o mais breve possível, todos os baianos tenham a sua disposição máscaras para utilizar no combate à Covid-19. É essencial que isso aconteça, já que a previsão é que na próxima semana tenhamos o pico da contaminação no nosso estado e precisamos a todo custo evitar que a população seja contaminada e sobrecarregue o sistema de saúde”, afirma.

“Com a distribuição de máscaras para a população queremos derrubar a taxa de infecção em toda a Bahia. A máscara é uma proteção fundamental para quem precisa sair de casa e seu uso fortalece o combate ao coronavírus”, destacou o secretário estadual do Planejamento, Walter Pinheiro.

“De acordo com cientistas, o vírus não fica em suspensão no ar, mas em gotículas que são emitidas pela boca e pelo nariz, sendo o uso das máscaras de pano um impeditivo para que a gotícula passe. Além disso, elas servem como barreira física para evitar que as mãos contaminadas sejam levadas à boca e ao nariz antes de terem sido higienizadas. Se conseguirmos conter o contágio, gradativamente conseguiremos normalizar esta situação”, diz Mário Dantas, presidente da Associação Comercial da Bahia.

A ACB distribuiu máscaras nas estações de ônibus e trens de Salvador. A ação é feita em parceria com o Governo do Estado, por meio da SDE e Seplan, que tem liderado uma força tarefa de doações de empresários, e com a Prefeitura de Salvador. A campanha faz parte do movimento “Doe Máscaras e Salve Vidas”, lançada pela Associação Comercial.

“O uso de máscaras é fundamental para combater a transmissão do vírus. A iniciativa ajudará bastante para que passageiros e população adotem seu uso rotineiramente, trazendo proteção para todos”, afirmou o diretor-presidente da CTB, Eduardo Copello.

Além de distribuir, o Governo do Estado está estimulando pessoas físicas e empresas para a produção e distribuição de máscaras de tecido junto à população. Para isso disponibilizou o número (71) 99963-5902 e o e-mail producao.mascaras@seplan.ba.gov.br para prestar orientações sobre a produção das máscaras.

Fonte: SDE


  • Compartilhe: