ILHÉUS: tecnologia deve otimizar serviços da prefeitura

Publicado em: 05/6/2019

Depois da experiência positiva com o Setor de Tributos (arrecadação fiscal eletrônica municipal), a Prefeitura de Ilhéus inicia a implantação do Sistema Metrópolis de Gestão Municipal em outros setores. A proposta é garantir maior agilidade e qualidade nos serviços. Na manhã de segunda-feira (3), no Centro Administrativo, técnicos da Edza, empresa responsável pelo serviço, apresentaram a tecnologia às secretarias municipais de Comunicação (Secom), Relações Institucionais (Serin), Governo (Segov) e Procuradoria Geral do Município (Proger).

Segundo a administração municipal, o novo sistema está em fase de teste no Protocolo do Município, setor instalado nas dependências do Palácio Paranaguá, no centro histórico. A implantação da tecnologia foi ministrada pelo coordenador de desenvolvimento e tecnologia da empresa contratada, Benício Oliveira. De acordo com os técnicos, a nova plataforma deve dar maior agilidade e disponibilidade em consultas, através do cadastro do usuário, informações ao contribuinte com maior transparência nos processos.

A nova ferramenta facilitará todos os trâmites considerados como “burocráticos” no setor público, permitindo interação entre as secretarias municipais. Com a posse de um login e uma senha, os servidores poderão realizar os trâmites e acompanhar todo o processo de forma dinâmica e responsiva.  “Acabou aquela velha pergunta sobre onde está aquele processo? Está na gaveta de quem? Isso agora faz parte do passado. Basta agora um clique”, afirmou Benício Oliveira.

O sistema de gestão municipal é basicamente uma suíte completa de aplicativos para o administrador. Os seus diversos sistemas agem de forma específica para cada esfera de interesse administrativo, apresentam soluções rápidas e eficientes para a maioria das áreas da prefeitura. Além do desempenho tributário, o sistema pretende gerenciar de forma planejada, os setores de atendimento social, contratos, educação, estoque, geoprocessamento, serviços urbanos, patrimônio, protocolo, recursos humanos, saúde e tributos.

Fonte: Secom Ilhéus


  • Compartilhe: