Representantes da Assembleia de Deus na Bahia se reúnem com Bolsonaro

Publicado em: 28/10/2020

O presidente Jair Bolsonaro participou nesta terça-feira (27), em Brasília, de uma reunião com a mesa diretora da Convenção Estadual das Assembleias de Deus da Bahia (CEADEB), que tem o pastor Valdomiro Pereira da Silva como presidente, e os deputados Alex Santana (federal) e Samuel Junior (estadual), ambos do PDT, entre os mais de 500 mil membros da instituição.

Na ocasião, o presidente Bolsonaro recebeu um exemplar da Bíblia Sagrada de presente e o convite para participação da Assembleia Geral Ordinária da CEADEB que acontecerá em Salvador, capital baiana. A Convenção possui mais de dois mil ministros evangélicos filiados, atuando nos 417 municípios baianos, representando a Igreja Evangélica Assembleia de Deus na Bahia que completou 101 anos de fundação em 2020.

“Bolsonaro é o primeiro presidente cristão a chegar ao Palácio do Planalto pelo voto popular, com isso, nós, evangélicos, mostramos que também somos uma força política decisiva no país. Por isso a importância desse encontro para também discutirmos pautas conservadoras importantes para o nosso Brasil, principalmente em defesa da família”, afirmou Alex Santana. Na oportunidade, também foi feita uma oração pela mais alta autoridade política da nação.

Evangélicos no Brasil

Pesquisa Datafolha de janeiro de 2020 revelou um aumento expressivo da população evangélica no Brasil, que já representa 31% dos cidadãos brasileiros. O Censo já apontava a tendência de crescimento. Enquanto na edição de 2000, 26,2 milhões de brasileiros se declaravam evangélicos (15% da população), no Censo de 2010 esse número foi de 42,3 milhões de pessoas (22% da população). Ainda de acordo com o levantamento, também houve crescimento da institucionalização da participação evangélica na vida pública. Enquanto em 2002 foram eleitos 42 deputados federais oficialmente identificados com a crença, em 2018 o número saltou para 82.

Fonte: Golden Assessoria


  • Compartilhe: