Transporte irregular de passageiros é flagrado pela Polícia

Publicado em: 08/4/2020

Os passageiros estavam sendo transportados em compartimento fechado e sem ventilação. Além da infração de trânsito, essa conduta pode contribuir para a disseminação e contaminação do novo coronavírus.

Policiais rodoviários federais flagraram um veículo FIAT/Fiorino com diversas irregularidades de trânsito. A ação foi registrada no final da tarde desta segunda-feira (06), durante fiscalização preventiva da PRF no KM 219 da BR 101, trecho do município de Cruz das Almas (BA).

Os agentes federais realizavam fiscalização no trecho, quando perceberam o condutor de um Fiorino estacionar no acostamento da via ao notar a presença da viatura policial. Ele não acionou a sinalização de emergência, o que gerou a suspeita da equipe.

Durante os procedimentos de abordagem, a equipe flagrou diversas irregularidades no veículo. O condutor e passageiro não utilizavam cinto de segurança, além de apresentarem desconforto e nervosismo com a presença da equipe.

Posteriormente, os agentes federais decidiram aprofundar a fiscalização na Fiorino e solicitaram que fosse aberto o baú, quando foi encontrando em seu interior três pessoas embarcadas.
Diante das infrações de trânsito apresentadas, os PRFs emitiram as notificações previstas no Código de Trânsito Brasileiro (CTB), quais sejam artigo 167, inciso VII do art. 181 e mais o inciso II, do art. 230 todos amparados na Lei 9.503/97:
• Deixar o condutor ou passageiro de usar o cinto de segurança;
• Estacionar o veículo no acostamento;
• Conduzir o veículo: transportando passageiros em compartimento de carga.

O transporte clandestino é infração gravíssima e gera 7 pontos na carteira. Diante do cenário apresentado o veículo só foi liberado após o desembarque dos passageiros que estavam no compartimento de carga. As multas aplicadas na abordagem somaram-se mais de R$700,00 reais.

Para informações, denúncias, comunicação de crimes e acidentes a PRF dispõe do número de emergência 191. A ligação é gratuita e atende 24 horas em qualquer parte do País.

Fonte: PRF-BA


  • Compartilhe: