FEIRA: ampliação de indústria de artefatos de cimento deve gerar 130 vagas de trabalho

Publicado em: 28/10/2020

A Cepreng Indústria de Artefatos de Cimento vai investir R$ 3 milhões na ampliação de sua unidade industrial em Feira de Santana. Além de manter os 38 empregos diretos existentes, vai promover a geração de 30 novas vagas diretas e 100 indiretas. O protocolo de intenções foi assinado nesta terça-feira (27), com o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE).

“Celebramos mais um protocolo de intenções que, além de investir, promoverá novos empregos no estado. A unidade fabril é responsável pela fabricação de artefatos de cimento, produtos de extrema importância para as obras de engenharia civil”, afirma o vice-governador João Leão, titular da SDE.

Com a ampliação, a indústria que fabrica 90 mil unidades/ano de artefatos de cimento – anel, bebedouro, cocho, caixa de passagem, estaca, galeria, meia cana, lua, meio fio, placa, tampa e tubo -, vai incrementar sua capacidade produtiva em 36 mil unidades/ano. A empresa vai entrar no mercado de blocos de concreto e piso intertravado, produzindo 1 mil milheiros/ano.

“A ampliação ocorre devido ao crescente aumento de demanda em função do grande crescimento e aceleração de obras de saneamento básico e infraestrutura urbana na Bahia e no Nordeste. O novo investimento permitirá um aumento do mix de produtos, possibilitando a verticalização da empresa, ganho de novos mercados e geração de emprego e renda”, explica o diretor Antônio Victor Novais.

Fonte: SDE


  • Compartilhe: