LEM: Embasa explica vazamento de esgoto

Publicado em: 06/2/2019

A Embasa esclareceu a denúncia feita por moradores em Luís Eduardo Magalhães sobre suposto despejo irregular de esgoto em bairros da cidade.

Em nota, a Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) informou que os técnicos já restabelecem o funcionamento da referida estação elevatória, na noite de ontem (4).

De acordo com a Embasa, as bombas da estação elevatória que foram danificadas no domingo, devido à abertura indevida de poços de visita, feita por moradores, o que sobrecarregou a rede coletora com o lixo que escoou junto com a água da chuva. Ressalta ainda que durante os reparos, os técnicos estavam conduziram parte do esgoto extravasado para outro trecho da rede.

A empresa esclarece ainda que o extravasor é um dispositivo de segurança presente em toda estação elevatória, acionado em casos de pane no sistema, para minimizar os impactos e extravasamentos em via pública, de acordo com as normas regulamentadoras (NBR – 12208/1992).

Ontem, o prefeito tornou pública a intenção de rever a concessão pública e até a possibilidade de substituir a concessionária por outra empresa. Em nota, a Embasa informou que já entrou em contato para os devidos esclarecimentos sobre o ocorrido com a pane da estação elevatória e que ainda não foi comunicada oficialmente sobre a decisão da prefeitura. Clique aqui e veja a matéria.

Até o momento da edição desta matéria, a empresa não havia recebido multa ou notificação do Município.


  • Compartilhe: