Sem aulas, professores atuam no combate à Covid-19

Publicado em: 06/7/2020

Muitos dos profissionais que estão atuando no enfrentamento à Covid-19 na Bahia conciliam a rotina da área de saúde com a educação. Médicos, enfermeiros e fisioterapeutas que antes se dividiam entre o dia a dia das unidades hospitalares e as universidades, agora, com as atividades acadêmicas presenciais suspensas, buscam alternativas para contribuir para a formação dos seus alunos.

São professores que não abandonam a paixão pela docência, mesmo em meio aos desafios impostos pela pandemia aos profissionais de saúde. A jornada dupla se tornou ainda mais complexa e possibilita que as perspectivas sejam diversas. “Como médico, vejo de perto a luta dos profissionais de saúde e gestores no enfrentamento a essa situação. Enxergo as dificuldades concretas das pessoas, principalmente dos mais pobres em fazer isolamento social e sobreviver a este período”, conta Paulo José Barbosa, professor do Colegiado de Medicina da Universidade do Estado da Bahia (Uneb).

Quer ler a matéria na íntegra? Clique Aqui>>

Fonte: Uesb


  • Compartilhe: