MUNICÍPIOS

Barreiras pode ganhar universidade para a pessoa idosa

Publicado em: 27/1/2023

Os acadêmicos serão certificados pela Universidade da Maturidade e Universidade Federal do Tocantins

O programa de extensão para atendimento às políticas de melhoria da qualidade de vida para pessoas idosas da Universidade Federal do Tocantins (UFT) em parceria com a Prefeitura de Barreiras, foi novamente tema de encontro, dessa vez, na sede da Academia Barreirense de Letras (ABL) entre os confrades e confreiras e os profissionais da Universidade da Maturidade (UMA), para uma parceria de Tecnologia Social – Educação Intergeracional em Barreiras.

Participaram da apresentação ministrada pela professora titular e coordenadora Dra. Neila Osório (UMA/UFT); o vice-prefeito e secretário de Planejamento, Emerson Cardoso; a assessora especial e pesquisadora, Marileide de Carvalho; o presidente da ABL, Valney Rigonato e demais membros.

A apresentação da proposta da metodologia para capacitação do corpo técnico-administrativo-pedagógico à ABL será em reunião ordinária dos membros, o marco para iniciar o processo de matrícula dos discentes (pessoas acima de 45 anos), que serão certificados pela Universidade da Maturidade e Universidade Federal do Tocantins ao final, como educador político social do envelhecimento humano.

“Já fizemos uma apresentação para os gestores municipais e seguimos apresentando para instituições importantes como a Academia Barreirense de Letras, o estudo e projetos de políticas públicas voltadas para a pessoa idosa. A nossa proposta construída junto à gestão de Barreiras e instituições é justamente estreitar a parceria com ações voltadas para esse público nas diversas áreas, como saúde, educação, dentre outros”, pontuou Dra. Neila Osório.

A parceria, conforme a assessora municipal especial, Marileide Carvalho, possibilitará a troca de conhecimentos através do público idoso com seu atual momento, transformando o município de Barreiras em um polo de convivência social por meio de ações significativas com a participação das pessoas idosas na sociedade como sujeitos ativos e protagonistas de suas histórias e vivências.

“Temos hoje um novo perfil de idosos, por isso, saber envelhecer com qualidade deve ser pauta permanente de discussão, principalmente em espaços ativos como a ABL. A Universidade da Maturidade traz para o município essa proposta de construção de novas políticas públicas voltadas, exclusivamente, para esse grupo que tem ficado cada vez mais seleto”, explica Marileide.

O vice-prefeito e secretário de Planejamento, Emerson Cardoso, encerrou a reunião enfatizando a importância da parceria com a Universidade Federal do Tocantins, e ressaltou que “toda parceria é bem-vinda quando contribui com a melhoria da qualidade de vida da população”.

 

Fonte: PMB


  • Compartilhe: