DESTAQUES

Crianças recebem centenas de brinquedos arrecadados por shoppings de Salvador

Publicado em: 16/11/2021

Centenas de brinquedos arrecadados pelos shoppings de Salvador que participaram da Campanha Guardiões da Infância, realizada pela Polícia Civil para combater os crimes contra o público infantojuvenil, foram entregues para 346 crianças em situação de vulnerabilidade social, assistidas por cinco instituições de acolhimento, entre os dias 8 e 11 de novembro. Os shoppings da Bahia, Piedade, Barra, Salvador e Salvador Norte integraram a ação.

Para a Delegada-Geral, Heloísa Campos de Brito, essa é mais uma ação da Instituição voltada para o atendimento aos grupos vulnerabilizados. “Como desdobramento da Operação Cinderela, realizada há dois meses, desenvolvemos a Guardiões da Infância, para informar e reafirmar os direitos das crianças”, explicou a DG.

Equipes da Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Contra a Criança e o Adolescente (Dercca), da Delegacia para o Adolescente Infrator (DAI) e do Departamento de Polícia Metropolitana (Depom) participaram da operação. “Durante a campanha, onde falamos sobre o atendimento ao público infantojuvenil e detalhamos o tratamento dos casos envolvendo crianças e adolescentes, percebemos o envolvimento de funcionários e clientes dos shoppings com a causa”, ressaltou a titular da Dercca, delegada Simone Moutinho.

“As parcerias com os grandes centros de compras da capital, com o nosso embaixador de proteção à criança e o adolescente, Tio Paulinho, e o cantor Nando Borges, foram de grande importância para estreitar os laços com a sociedade e conscientizar as pessoas da responsabilidade que é cuidar do público infantojuvenil”, destacou a Delegada-Geral.

A Organização de Auxílio Fraterno (OAF), localizada na Lapinha, a Associação das Comunidades Paroquiais de Mata Escura e Calabetão (Acopamec), a Associação Clube de Mães do Lar Pérolas de Cristo, no bairro de Paripe, o Lar Irmã Benedita Camurugi, em Cidade Nova, e a Creche Irmã Sheila, em Lauro De Freitas, foram as instituições contempladas.

O diácono Gildasio Francisco de Jesus, diretor executivo da Acopamec, avaliou a iniciativa. “Ações como essa afirmam o direito da criança e do adolescente e também trazem alegria especial para eles. Esta é uma iniciativa totalmente do bem, feita pela polícia, que valoriza a vida e que fará com que crianças cresçam com este excelente exemplo”.

 

 

Fonte: Polícia Civil – BA


  • Compartilhe: