EQUIPE ECONÔMICA DE BOLSONARO NÃO VÊ ESPAÇO PARA CORREÇÃO DA TABELA DO IR

Publicado em: 13/5/2019

Cálculos preliminares apontam um impacto de R$ 50 bilhões nas contas públicas no próximo ano com a medida, promessa de campanha do presidente Jair Bolsonaro

Redação
Foto: Marcello Casal/ Agência Brasil
Foto: Marcello Casal/ Agência Brasil

 

Anunciada pelo presidente Jair Bolsonaro, a possibilidade de correção da tabela do Imposto de Renda é considerada uma missão difícil por integrantes da equipe econômica do governo.

De acordo com o blog do Camarotti, cálculos preliminares apontam um impacto de R$ 50 bilhões nas contas públicas no próximo ano com a medida, promessa de campanha do presidente.

Em entrevista à Rádio Bandeirantes, Bolsonaro disse que orientou o ministro da Economia, Paulo Guedes, a corrigir a tabela do IR “no mínimo” com a inflação. O presidente acrescentou que o governo também estuda aumentar os limites de deduções.