POLÍTICA

Relator Samuel Júnior rejeita contas do exercício de 2019 do Governo da Bahia

Publicado em: 10/11/2022

Deputado é relator das contas na Comissão de Finanças, Orçamento, Fiscalização e Controle da Casa

O deputado estadual e relator das contas na Comissão de Finanças, Orçamento, Fiscalização e Controle, Samuel Júnior rejeitou as contas do exercício de 2019 do governador, Rui Costa (PT).

De acordo com o texto, “não foram cumpridas todas as metas fiscais que foram traçadas para este exercício, bem como foram observadas inúmeras inconsistências de cunho financeiros, demonstrando o descaso com a verba pública e com o plano fiscal que ora foi apresentado”.

Samuel explica que o ano em questão antecedeu uma crise sanitária que abalou a vida de diversos baianos e a falta de transparência nas contas públicas impactou de uma forma negativa a gestão estadual. “É preciso estar atento e levar com dedicação o que essa casa tem como responsabilidade. Poderíamos ter enfrentado uma pandemia de uma forma muito mais tranquila e com mais dignidade para as pessoas, no entanto, no período anterior a isso não se teve nenhum zelo ou lisura com as contas”, brada.

O parlamentar lembra ainda das emendas impositivas. “Esse orçamento também precisa contemplar as emendas dos deputados que geram benefícios para as cidades, como a aquisição de ambulâncias ou construção de equipamento público e, na minha avaliação, há indícios graves do não cumprimento desse item garantido pela constituição”.

 

 

por Golden Assessoria


  • Compartilhe: