SAÚDE

Instituto AMAI leva serviços de saúde e doações da Bahia ao Rio Grande do Sul

Publicado em: 11/5/2024

 

Organização Social também busca parcerias com laboratórios que possam doar medicamentos e fraldas para os afetados pelas enchentes

O Rio Grande do Sul (RS) foi atingido por enchentes que vem afetando mais de um milhão de pessoas em todo o estado. Com o espírito de solidariedade e vontade de ajudar o próximo, o Instituto AMAI, em parceria com o Instituto Randon e comitês de crise do RS, vai levar uma carreta médica com diversos serviços de saúde, além de doações de fraldas e medicamentos diretamente da Bahia para o povo gaúcho.

Serviços como consultas médicas e exames como eletrocardiograma, ultrassonografia e de laboratório, serão ofertados de forma gratuita durante 15 dias, em cidades como Porto Alegre, Caxias do Sul, São Leopoldo, e a região do Vales dos Sinos, com o objetivo de garantir o acesso da população à saúde.

Para tornar essa ação ainda maior, a Organização Social pede a contribuição de empresas dos segmentos laboratorial, de medicamentos e produtos hospitalares, que possam ser parceiras nesta campanha e fazer doações para que a carreta saia de Salvador abastecida de suprimentos importantes para as pessoas que perderam tudo. O instituto também aceita a contribuição com recursos financeiros, que possam ajudar no deslocamento da carreta até o Rio Grande do Sul, através do pix 39.809.570.0001.62, que é o CNPJ do AMAI.

A unidade AMAI conta com cinco consultórios climatizados e padronizados, com capacidade de fazer 120 atendimentos por dia, com realização dos exames: eletrocardiograma, ecocardiograma, ultrassonografia, e exames laboratoriais. A equipe da Organização é composta por médicos, nutrólogos, fisioterapeutas, enfermeiras, técnicos de enfermagem e psicólogos.

Sobre o instituto – AMAI, ou Atendimento Médico Ambulatorial Itinerante, é uma Organização Social baiana, que nasceu do desejo de contribuir para a saúde e qualidade de vida das pessoas através de uma gestão inovadora e humanizada com, tecnologia, comodidade e humanização num conceito de atendimento médico ambulatorial itinerante como estratégia de levar o cuidado com a saúde até o seu público.


  • Compartilhe: